“Não deixe de Congregar” (Hb 10.25).

Estamos passando por um inverno atípico. Além  do frio temos a Copa sendo realizada no Brasil. Com esses ingredientes a igreja corre o sério risco do esvaziamento. Alguns não vêm aos cultos por causa do frio, outros para assistirem os jogos da Copa. Enquanto a responsabilidade para com Deus e para com a sua igreja são marcas de uma vida consagrada e características de um crente fiel, a não ida aos cultos sem motivos justificáveis, também podem caracterizar acomodação e a frieza espiritual. Quem sabe não foi pensando em tempos como este que o escritor sagrado alertou: "não deixe de congregar, como é costume de alguns; antes, encoraje os outros, ainda mais quanto vê que o Dia se aproxima” (Hb 10.25). Assim, quanto mais perto está a volta de Cristo, mais firme deve ser a fé da igreja. Portanto, do mesmo modo que Ele é constante e imutável, sejamos, mesmo com nossas limitações, também fiéis. Pois, a forma mais eficaz para enfrentar o perigoso "frio" é preservar o calor de Deus e a comunhão com fiéis.

Comments are closed.